Vê Só

Quem você indicaRia?


Resistência, novas formas de comportamento, solidariedade, convivência. 

O Vê Só da edição #10 diversifica para alcançar a unidade entre todos nós, com harmonia, respeito e autenticidade.

Morgana Kretzmann indica:

Meu Vê Só desse mês é a indicação desse jovem e incrível poeta mineiro, JoMaKa, o João Maria Kaisen, uma pessoa intersexo, transmasculina não binária, como ele mesmo se apresenta.

JoMaKa transforma toda sua luta como poeta marginal antimanicomial em apropriação artística e cultural em todas as áreas, ventos, ruas e esquinas. A gente dança, canta, fala, ri, chora com seus escritos.

"No dia seguinte
nem o correio chegou
nem o telefone tocou
nem ninguém apareceu
e eu também desapareci."

Livro: Generalidades ou Passarinho Loque Esse
De: JoMaKa
Editora: Impressões de Minas 

Marcos Benuthe indica:

"Novo conceito de convivência"

A cidade de São Petersburgo, que já teve o nome "Leningrado", foi fundada em 1703, por Pedro, o Grande, foi capital do Império Russo por 2 séculos. Daí a tradição da grande burocracia, de ser habitada majoritariamente pela vetusta classe política.

Nos últimos anos viu surgir uma juventude cosmopolita e "descolada" que vem mudando o panorama da cidade. Lá surgiram espaços que não são bares, nem livrarias, restaurantes, coworking, clubes, boates. É tudo isso junto, o cliente paga uma entrada e tem direito a tudo. Esses espaços já são vistos em muitas cidades europeias.

Com toda humildade possível, é isso que almejamos com a nossa RIA.

Ian Uviedo indica:

Nesta décima edição quero falar sobre o projeto Viela em Dia de Lua, idealizado pelos músicos Renato e Ronaldo Gama. Trata-se de uma espaço transdisciplinar de cultura localizado na Vila Nhocuné (Zona Leste de São Paulo), que pretende se estabelecer como ponto de resistência (um quilombo vivo, segundo os organizadores), espaço para apresentações, exibições de filmes, rodas musicais, contação de histórias e uma biblioteca comunitária.

O espaço, recém-inaugurado, precisa da colaboração para compor esse acervo e, assim, gostaria de pedir aos amigos e amigas que têm livros publicados se puderem enviar exemplares de seus livros para o Viela. Seria de imensa ajuda.

O endereço do espaço fica na rua Moisés Justino, 242, Vila Nhocuné (cep 03562-000), sp/capital.

e-mail: mail@samenina.com
instagram e facebook: @vielaemdiadelua

Jarbas Galhardo indica:

Para dar aquele axé para nossa décima edição, indico a OXALAIVE, série de 14 programas sobre poética e cultura negra, que vem acontecendo no instagram nas tardes de sexta-feira, sempre às 16h, desde janeiro, e que reúnem poetas do Brasil, Moçambique, Angola e Guiné-Bissau, em entrevistas e saraus, comandadas pelo escritor e ativista do movimento negro Nelson Maca, que também assina a curadoria da série. A Oxalaive vai até 9/abril e tem transmissão simultânea nos canais do Coletivo Blackitude - Vozes Negras da Bahia - e da Balada Literária, no Youtube.

Oxalaive, com axé pra quem é Epababa pra celebrar!